terça-feira, 21 de setembro de 2010

Coisa Humana: Homem.

A coisa mais humana que existe é o homem
Ele não passa de um mero erro
Que pensa que passa
Que pensa que não adianta
Que não deixará marcas
E condena a si mesmo
E comete o maior de todos os pecados:
Priva os demais
Do pouco de perfeição que possui.

quinta-feira, 9 de setembro de 2010

Liberdade...?!...

...Na mídia somos um povo livre
Que tem livre arbítrio pra escolher
Tudo que a mídia nos oferecer...

sábado, 4 de setembro de 2010

O dia de hoje

Tempo frio.
O que temos pra fazer?
Se ler vai dar sono
Ir pra frente da tv
Dá vontade de comer

Dormir no frio é bom
Mas se desperdiça o dia


Televisão rima com alienação
Mas chega a ser divertido
Rir da nossa ignorância diante dela
Em frente ao apresentador que nos explica
Três vezes
Os termos mais comuns

E o que me sobrará de útil do dia
Além dessa rima pobre?

Fica sempre no ar
Um ponto de interrogação.

quinta-feira, 2 de setembro de 2010

Que fim levaram todas as flores?

Que fim levaram todas as flores?
Que fim levaram todos os amores?
Perderam-se pelo caminho. Desistiram quase no finzinho,
Desistiram deles mesmos? O que ainda nos salva é a ilusão.
Cansaram de buscar por aquilo que eles não sabiam ao certo o que era.
Mas, quando a ilusão acaba, o que nos resta é a melancolia.
E a melancolia,talvez seja o fim de todos.
A alma que se quebra / o espelho que se parte ao meio.
No meio de tudo, a melancolia prevalece.
E com isso,tudo se estremece.
E a melancolia que prevalece não parte nem com as nossas preces.

Aquilo sub...entendido.

Tantas são as coisas que podem parecer poucas,
Mas poucas são as coisas que muito nos dizem, que muito nós entendemos.
Isso deve ser uma questão de muitos argumentos
Com fortes indícios de mentira
Intrigas podem ser feitas a partir do que não foi dito
E eu sempre chego a conclusão nenhuma
Me resumo apenas...
...Apenas isso.